SIGA-NOS:

Notícias



Parlamentar pede informações sobre Escola Municipal de Dança




O vereador Roger Mendes (Progressistas) esteve reunido com a secretária municipal da Educação, Clélia Mara Santos, para dialogar e pedir esclarecimentos de demandas levadas por várias pessoas envolvidas com a dança na cidade, principalmente sobre os procedimentos adotados pela Secretaria referentes à Escola Municipal de Dança “Iracema Nogueira” (EMD) e se a mesma está cumprindo seu papel social.

Quanto ao processo de preenchimento de vagas na EMD, pois o parlamentar recebeu o questionamento se alguns alunos estariam aptos a frequentar a “Iracema” e seriam de famílias sem condições de pagar uma escola de dança particular, Clélia explica que a EMD é pública e que todos têm direito, então, nesse sentido, é uma escola aberta, embora não comporte a todos.

Ela também acrescenta que a Escola se tornou um patrimônio de Araraquara, com alunos que se destacaram e se destacam no cenário nacional e até mesmo internacional da dança. “Com isso e devido ao fato de ser tão especial, pois a formação do aluno tem a duração de seis anos e tem em seu ensinamento, princípio, meio e fim, nós estabelecemos critérios para o ingresso do aluno.”

Segundo ela, a cada ano a Secretaria da Educação estabelece uma resolução pública com orientações de como vai ser o ingresso de novos estudantes que envolvem questões como a da renda familiar. “Com isso, é feito um recorte na escolha, onde a prioridade é de alunos em situação de vulnerabilidade, pois este é o público que a escola mais gostaria de atender.”

Clélia afirma que a EMD contempla prioritariamente alunos que frequentam a rede pública de ensino, oriundos de famílias de baixa renda, em situação de vulnerabilidade social e beneficiárias do programa Bolsa Família, mas como é uma escola aberta, havendo vagas remanescentes, após a classificação de todos os estudantes que frequentam a rede pública, serão classificados os da rede privada de ensino, bolsistas ou não. “Obviamente que sobram vagas e essas vagas são públicas, por isso que hoje temos alunos, inclusive, da rede particular que estão na Escola Municipal de Dança”.

 

Escola de excelência

A secretária ressalta que o público da EMD é majoritariamente da rede estadual, seguido da municipal e posteriormente da privada. “Atualmente, são 176 estudantes da rede estadual de ensino, 80 alunos oriundos da rede municipal de educação e 28 da rede privada. De acordo com Clélia, não seriam esses 28 alunos que estariam causando ou algum impacto no progresso das escolas de dança da cidade.

Ela diz que, como escola pública, a EMD é aberta para todos, pois os pais de muitos alunos que gostariam que os filhos ingressassem na escola pagam seus impostos. “Ele é contribuinte, cidadão de Araraquara e quer uma boa escola para seu filho. A Escola cumpre seu papel social de atender a todos. Lembrando que a maioria dos alunos vem da rede estadual de educação, principalmente, por conta da localização da escola, mas a mesma tem alunos de todas as regiões da cidade.”

As vagas oferecidas são em horário parcial e no período oposto ao ensino fundamental, respeitando o máximo, de acordo com a resolução vigente, de 20 estudantes por turma. As vagas são preenchidas em ordem cronológica de inscrição e os candidatos que não são contemplados na primeira chamada ficam na lista de espera. O preenchimento se dá mediante processo seletivo de avaliação das habilidades, aptidões e interesses, a partir do desenvolvimento de atividades em todas as oficinas que compõem a Escola Municipal de Dança “Iracema Nogueira”.

Mendes acredita na importância da Escola no desenvolvimento na formação dos seus alunos em seus diversos aspectos, bem como se sentiu contemplado com os esclarecimentos da secretária da Educação.

 

Assessoria de gabinete do vereador Roger Mendes (Progressistas)


Publicado em: 07 de outubro de 2019

Cadastre-se e receba notícias em seu email

Categoria: Notícias da Câmara

Outras Notícias

Fique por dentro

Resumo da 128ª Sessão Ordinária

15 de outubro de 2019

Na 128ª Sessão Ordinária da 17ª Legislatura da Câmara Municipal de Araraquara realizada na noite de terça-feira (15), foi aprovado o projeto da Prefeitura que altera a Lei Complementar nº 17, de 1º...



Intercâmbio aproxima estudantes dos Poderes Legislativos Municipal e Estadual

15 de outubro de 2019

Na segunda-feira (14), a vereadora Thainara Faria (PT) recepcionou alunos da Escola Estadual “Jardim dos Oitis”, durante visita à Câmara Municipal de Araraquara. A atividade faz parte de um novo pr...



Conferência Municipal abre 3ª edição da Semana de Conscientização da Alimentação Saudável

15 de outubro de 2019

  Com o tema “Avaliar e resistir para garantir a soberania e a segurança alimentar e nutricional – com democracia e participação popular”, foi realizada, na terça-feira (15), a 2ª Conferência Muni...



Ivan Roberto Peroni recebe Diploma de Honra Mérito da Câmara Municipal

15 de outubro de 2019

            Na presença de amigos e familiares, o jornalista Ivan Roberto Dameto Peroni recebeu, na segunda-feira (14), o Diploma de Honra ao Mérito, da Mesa Diretora da Câmara Municipal, por indic...



Ofício pede melhorias na Via de Acesso Engenheiro Ivo Najm e cruzamentos

15 de outubro de 2019

Nesta segunda-feira, dia 14, o vereador e vice-presidente da Câmara Municipal, Edio Lopes (PT), encaminhou um ofício a Arteris Paulista, solicitando atenção para algumas situações encontradas na Vi...



Secretarias, Controladoria e Câmara apresentam LOA 2020

14 de outubro de 2019

Dando prosseguimento às Audiências Públicas da Lei Orçamentária Anual (LOA) 2020, na tarde de segunda-feira (14), foi a vez das Secretarias de Assistência e Desenvolvimento Social e da Educação, al...