Fone: (16) 3301-0641

Parque do Basalto reabre em 90 dias

Vereador Tenente Santana afirmou que Araraquara merece e precisa de um espaço como este. Vereadores participaram do ato de assinatura da ordem de serviço para início da revitalização do parque


O Parque do Basalto, fechado desde 2018, deve reabrir em 90 dias. Esta é a informação dada durante o ato de assinatura da ordem de serviço para a revitalização do parque, ocorrido na manhã de sexta-feira (24), no próprio parque. Com uma biodiversidade de 350 espécies de árvores e outras 110 de aves, todas catalogadas, a área de 64 mil m² receberá um investimento de R$ 568 mil, oriundo do Fundo Municipal do Meio Ambiente. Depois de reaberto, o parque passará a sediar o Centro de Educação Ambiental e ainda será transformado em Parque Natural, uma Unidade de Conservação e Proteção Integral, ou seja, um espaço que não pode ser habitado pelo homem, sendo admitido apenas o uso indireto dos seus recursos naturais, em atividades como pesquisa científica e turismo ecológico.

O Parque do Basalto começou a surgir depois do fechamento, em 1969, de uma pedreira, que existia no local desde 1938. Durante 20 anos, até 2018, o parque era administrado pela Uniara, que desistiu da parceria com o município. Desde então, ele estava fechado ao público, que temia pela sua destruição.

O presidente da Câmara, vereador Tenente Santana (MDB), falou da importância que o parque para a cidade. “Dentro de pouco tempo, o Parque do Basalto voltará a ter o esplendor que lhe é peculiar e será reaberto para a população. Aqui sentimos o poder e a fragilidade da natureza ao nosso lado, em cada planta, inseto, formação rochosa, na queda d’água, enfim, tudo aqui é inspirador”, afirmou.

O prefeito Edinho Silva (PT) destacou os projetos que serão implantados no local. “Além de aberto para visitação da população, o Parque do Basalto funcionará como um laboratório de educação e preservação, voltado à conscientização, principalmente de crianças, da importância da preservação da natureza, dos pontos de produção de água e acolhimento de espécies”, disse. O espaço natural integra a Bacia do Rio do Ouro.

Também participaram do evento os vereadores Edio Lopes (PT - vice-presidente da Câmara), Lucas Grecco (PSB - 1º secretário), Paulo Landim (PT), Roger Mendes (Progressistas) e Toninho do Mel (PT); o superintendente do Departamento Autônomo de Água e Esgotos (Daae), Donizete Simioni; a presidente do Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente, Ana Carolina Marcondelli; a diretora de Gestão Ambiental do Daae, Kátia Castro de Matteo; e Rodrigo Martine, representante da empresa que executará a revitalização do parque; além de outros convidados.




Publicado em: 24 de janeiro de 2020

Cadastre-se e receba notícias em seu email

Categoria: Notícias da Câmara

Outras Notícias

Fique por dentro


Memória: Prêmio 'Heleieth Saffioti'

26 de março de 2020

Heleieth Iara Bongiovani Saffioti (1934-2010) - Socióloga, professora, escritora e pensadora feminista, por unir a militância política com produção acadêmica, tornou-se uma referência no movimento feminista. Acesse a biografia na íntegra aqui.   O Prêmio Instituído através do Decreto Legislati...


Memória: há 48 anos, foi oficializado o Hino de Araraquara

19 de março de 2020

O Memorial da Câmara Municipal relembra que no dia 21 de março, há 48 anos, foi oficializado o hino do município de Araraquara.  Recordamos que até o ano de 1971 a cidade ainda não possuía um hino, quando o então prefeito Rubens Cruz enviou ao presidente da Câmara Municipal, vereador Gaeta, o Of...


Memória: Casarão histórico no centro da cidade completa 100 anos

12 de março de 2020

Cerimônia de inauguração   O Memorial da Câmara Municipal relembra que há seis anos era inaugurado o Anexo da Câmara Municipal, denominado “Vereadora Deodata do Amaral”. O casarão histórico recebeu o nome da vereadora que conquistou o maior número de votos na história do Poder Legislativo ar...


Memória: Araraquara na Guerra do Paraguai, há 155 anos

09 de março de 2020

O Memorial da Câmara Municipal relembra os voluntários que partiram de Araraquara para a Guerra do Paraguai, em 10 de março de 1865. Na época, a cidade de Araraquara era pequena, com renda de 300 mil réis anuais, mas mostrou que seus filhos eram homens valorosos, pois ao verem o território da pá...


Memória: Mulheres Vereadoras

05 de março de 2020

O Memorial da Câmara relembra neste mês, em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, que Olinda Montanari (in memoriam) mesmo não tendo sido a primeira mulher convocada para o Poder Legislativo araraquarense, ainda assim tornou-se a primeira mulher a exercer o cargo de vereadora, convocada com...


Calendário Municipal do Mês: MARÇO

01 de março de 2020

A cidade de Araraquara tem datas comemorativas importantes para serem lembradas, pois homenageiam profissões, classes e assuntos relevantes. O Memorial da Câmara Municipal relembra essas datas:     Lei Data Assunto Autoria Data comemorativa 7173 07/01/...