SIGA-NOS:

Notícias



Araraquara: 131 anos da sua elevação de vila à cidade

O Memorial da Câmara relembra o fato histórico e importante do município


O antigo povoado de São Bento de Araraquara teve sua freguesia criada no município de Itu, pelo Alvará de 22 de agosto de 1817.

Anos mais tarde, em 31 de outubro de 1821, a freguesia foi transferida para o município de Piracicaba, tornando-se vila, por meio de Decreto Imperial em 10 de julho de 1832.

Foi elevada à categoria de cidade pela Lei nº 7, de 6 de fevereiro de 1889, através da Assembleia Legislativa Provincial, completando 131 anos de elevação. 

 

 

Contexto histórico: O que era a Assembleia Legislativa Provincial?

Com a Constituição de 1824, as antigas capitais foram transformadas em províncias, que eram unidades administrativas de um Estado unitário e centralizado, governadas por Presidentes designados pelo Imperador. 

Dispunham ainda do Conselho Provincial de São Paulo, que era um órgão representativo que elaborava o orçamento e toda a legislação de interesse regional, e a submetia aos poderes no Rio de Janeiro, à Assembleia Geral e ao Executivo Imperial, vigorando de 1828 a 1834.

Porém, com a extinção desse Conselho, em 1834, foram criadas as Assembleias, na tentativa de superar a crise política e institucional que tomava conta do Brasil nos primeiros anos após a independência. 

As decisões da Assembleia Provincial eram submetidas à sanção do Presidente da Província, cujo veto a algum projeto poderia ser derrubado pela maioria absoluta da Assembleia, nos moldes semelhantes ao que é praticado na cogestão republicana.

A criação das Assembleias Provinciais foi considerada uma descentralização conservadora, já que os Presidentes continuaram a ser nomeados pelo Imperador. No entanto, a Assembleia Legislativa Provincial era um poder que passou a responder por uma série de atribuições legislativas e pelo estabelecimento de políticas governamentais, no âmbito regional.

As Assembleias Provinciais funcionaram por 54 anos, e foram extintas com a proclamação da República, em 1889.

 

Fontes:


Publicado em: 06 de fevereiro de 2020

Publicado por: Silvia Gustavo

Cadastre-se e receba notícias em seu email

Categoria: Notícias do Memorial

Outras Notícias

Fique por dentro

Calendário municipal do mês: ABRIL

01 de abril de 2020

A cidade de Araraquara tem datas comemorativas importantes para serem lembradas, pois homenageiam profissões, classes e assuntos relevantes. O Memorial da Câmara Municipal relembra essas datas:...



Memória: Prêmio 'Heleieth Saffioti'

26 de março de 2020

Heleieth Iara Bongiovani Saffioti (1934-2010) - Socióloga, professora, escritora e pensadora feminista, por unir a militância política com produção acadêmica, tornou-se uma referência no movimento...



Memória: há 48 anos, foi oficializado o Hino de Araraquara

19 de março de 2020

O Memorial da Câmara Municipal relembra que no dia 21 de março, há 48 anos, foi oficializado o hino do município de Araraquara.  Recordamos que até o ano de 1971 a cidade ainda não possuía um hino...



Memória: Casarão histórico no centro da cidade completa 100 anos

12 de março de 2020

Cerimônia de inauguração   O Memorial da Câmara Municipal relembra que há seis anos era inaugurado o Anexo da Câmara Municipal, denominado “Vereadora Deodata do Amaral”. O casarão histórico re...



Memória: Araraquara na Guerra do Paraguai, há 155 anos

09 de março de 2020

O Memorial da Câmara Municipal relembra os voluntários que partiram de Araraquara para a Guerra do Paraguai, em 10 de março de 1865. Na época, a cidade de Araraquara era pequena, com renda de 300...



Memória: Mulheres Vereadoras

05 de março de 2020

O Memorial da Câmara relembra neste mês, em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, que Olinda Montanari (in memoriam) mesmo não tendo sido a primeira mulher convocada para o Poder Legislativo...